Lembra da sua promessa de Réveillon para 2017? Ainda dá tempo de cumprir!

Jardim Japonês do Parque Maeda
Crédito: Gastrovia
Má notícia: metade do ano já se foi; boa notícia: ainda temos bastante tempo para realizar aquilo que foi definido como meta para o ano

Quem nunca fez promessas de ano novo e não as cumpriu? É fácil, na correria do dia a dia, esquecer as resoluções tomadas lá no início de janeiro. Agora que metade do ano se foi, um momento de reflexão pode fazer a diferença para que em dezembro você possa marcar "cumprido" na sua lista de promessas. Preparamos uma lista de cinco promessas que, com um pouco de vontade e esforço, você ainda pode realizar em 2017. Confira!

1 - Aprenda Inglês - Nos dias de hoje, não tem desculpa: inglês é fundamental. Fluência no idioma pode fazer sua carreira decolar, faz com que você tenha mais acesso à informação (estima-se que metade do conteúdo da internet está escrito em inglês) e você pode ainda curtir seu filme ou série preferidos sem o incômodo da legenda. E em seis meses dá para fazer bastante coisa! "Com um pouco de dedicação e vontade, a pessoa pode se surpreender com o conhecimento que adquirido em seis meses, pois nosso curso termina em apenas um ano. Basta reservar um tempinho, se dedicar e colher os resultados", diz o empresário João Sad, dono da British and American, escola de Inglês em Sorocaba.

2 - Arrume um emprego - Para os desempregados, a dica vem da consultora em RH Patricia Silvestrini, parceira da Zaros Escola de Negócios. "Lembre-se que no fim do ano oportunidades aparecem. Você pode começar a preparação desde já para os empregos temporários que aparecem no fim do ano. Estude a empresa que você quer trabalhar e faça cursos de capacitação. Com esforço, é possível que este trabalho se torne uma vaga efetiva no ano que vem", finaliza. 

3 - Comece seu negócio – Se você sonha em ser seu próprio patrão e tem uma grande ideia na cabeça, que tal apostar na sua própria empresa? "O empreendedorismo é uma ótima opção para quem está desempregado ou sonha em abrir um negócio. Pesquise como está o mercado que você gostaria de adentrar e busque auxílio no portal do empreendedor: http://www.portaldoempreendedor.gov.br/. É fácil e rápido!”, explica o consultor empresarial Silvano Beserra.

4 – Pratique a Solidariedade - No fim de ano aquela onda de solidariedade sempre atinge a todos. Que tal começar antes? Muitas instituições precisam de voluntários desde já. Em Sorocaba, o Natal sem Fome já está nos preparativos para o Kartcross Solidário, que arrecada verbas para diversas destas entidades e você pode participar desta ação. "Você pode doar um pouco do seu bem mais precioso, que é o tempo, ou fazer uma doação ao projeto pelo site: http://www.natalsemfome.com.br/. No site você conhece todos os projetos atendidos pela associação e ainda pode fazer a sua doação", diz o diretor de comunicação do Natal Sem Fome, Bruno Cenci.

5 - Passeie mais -  Essa é uma promessa importante! Curta mais a família, conheça novos lugares. Dinheiro curto não é desculpa. Você pode apostar, por exemplo, em excursões. "No Parque Maeda recebemos excursões de diversas partes do Brasil. É uma forma de conhecer novas pessoas e novos lugares. Nossa experiência aqui mostra que para se divertir não é necessária uma quantia grande de dinheiro", diz Fernando Maeda, administrador do complexo de turismo em Itu. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário